Agendamento do Transporte de Saúde poderá ser feito nas Unidades de Saúde

A partir de 1º de março começará a ser implantado de forma gradativa o agendamento do transporte de saúde nas próprias Unidades espalhadas pelos bairros da cidade, como UBSs (Unidades Básicas de Saúde) e USFs (Unidades de Saúde da Família). O primeiro bairro a implantar o serviço será o Jardim Anésia, por meio da USF Elza Falco Paschoanelli.

“Desta forma vamos descentralizar mais um serviço de Saúde oferecido à população e também atendemos a uma indicação do vereador Marcelo Ozelim (PSDB), que há muitos anos trabalha no setor e nos fez esta proposta”, explicou o prefeito Rômulo Rippa. “Nossa intenção é sempre atender melhor a população”, completou.

O transporte de saúde engloba várias frentes, como o transporte de pacientes dentro do próprio município, por meio do telefone 192; transporte de pacientes para hemodiálise, que é realizado para várias cidades, como São Carlos, Araraquara e Pirassununga; transporte de pacientes em tratamento de câncer para Barretos, Jaú e São Carlos; transporte de pacientes para o AME de Américo Brasiliense (diversas especialidades médicas); transporte de pacientes para o HC de Ribeirão Preto, São Paulo, Campinas etc; além de outras transferências e remoções.

Em 2017 o setor de transporte de Saúde transportou cerca de 33,5 mil pacientes, sendo 7,5 mil dentro do município e 26 mil para outras cidades.

As demais Unidades de Saúde a oferecerem o serviço serão divulgadas oportunamente.