Quatro Unidades de Saúde são furtadas e governo prepara monitoramento
Unidade de Saúde da Família Elza Falco Paschoanelli, no Jardim Anésia

A Secretaria de Saúde de Porto Ferreira informou que quatro Unidades de Saúde foram invadidas por ladrões no intervalo de pouco mais de uma semana.

O primeiro registro foi na madrugada do dia 2, na Unidade da Criança, no Centro. Entraram pelo telhado, reviraram tudo, mas não levaram nada. Depois, no dia 5, foi a vez da Unidade de Saúde da Família Elza Falco Paschoanelli, no Jardim Anésia, de onde foi levada uma TV.

Na sexta-feira (08/09) a Unidade de Saúde da Família Augusto Pirondi, no Cristo Redentor, também foi vítima de invasão e teve um microcomputador e uma TV de 24″ furtados.

E na segunda-feira (11/09), quando os funcionários da Unidade de Saúde da Família Amélia Pirondi (CSII) chegaram para o trabalho se depararam com a recepção e cozinha com objetos revirados e deram falta de um microcomputador.

“São equipamentos importantes, principalmente os computadores, que guardam dados dos pacientes, dos programas desenvolvidos e outras informações importantes para o bom funcionamento das Unidades”, lamentou a secretária Vera Visolli.

Já o prefeito Rômulo Rippa salientou que a Administração está tomando atitudes e investirá em monitoramento para maior segurança.